sábado, 27 de dezembro de 2008

4 meses.. Duas vidas.. Uma história.. E um final...

Quem sabe assim viveremos melhor...
Eu só quero que sejas feliz...
Cada momento foi único, foi tudo muito bom, inexplicável em tão poucas palavras...

Não queria ter dito tdo o que falei.. Não queria estar sentindo isso nesse momento.
Palavras ditas já não voltam. Os sentimentos infelizmente tbm não.
Fomos arrancados à força desse sonho.
Culpa de quem tudo isso??
Já não se sabe quem errou.. Na verdade acredito que não tivemos um 'pecador' nessa história.
Um dia acreditei no 'pra sempre'.. Mas ele sempre acaba, não eh verdade?
Me diz que não!!
Não adiantaria.. Nada me faria voltar atrás.
O sofrimento é um sentimento que não desejaria à vc em hipótse alguma de nossas vidas..
Você sempre foi uma pessoa merecedora de tudo o que há de melhor nesse mundo.
Das coisas mais belas, dos melhores momentos.
Tenho certeza que tivemos muitos. Espero que concorde comigo nesse ponto.
Mas num certo instante a liberdade que antes nos prendia, nos mantinha cada vez mais próximos, se tornou algo sufocante. Algo que não consigo explicar.
Um sentimento maior que a força que eu ainda tinha de sustentar esse amor.
Fui fraca? Não sei.. Não sei se essa é a palavra mais adequada.
Mas fui sincera. Sempre fui..
Cada palavra minha, cada gesto, cada toque... Enfim. Tudo foi muito verdadeiro, e sei que de você tbm.
As lições que aprendí com você, certamente, estarão sempre comigo onde eu for. Assim como você dentro do meu peito. Nesse momento ao lado de uma grande ferida, mas logo terá um lugar só seu. Jamais será esquecido.
Não tenho como esquecer da JUDITE tbm né?.. Bons momentos... grandes recorações. Uma companheira como nenhuma outra.. A que nunca vai te abandonar de verdade, mesmo com alguns pneus furados...^^
Carregarei cada lembrança pra sempre.
E estarei torcendo pela sua vitória. Pelo seu crescimento como pessoa, como homem, como profissional.. Serás um grande cara! Ainda mais que já é.
Você foi o cara que me conquistou numa balada de sábado a noite. Com aquele beijo tão profundo emtão pouco tempo..
Com seu jeito tímido e descontraído ao mesmo tempo.. Com sua risada desajeitada.. Hahahaha
Vou levá-lo dentro do meu peito meu, agora, GRANDE AMIGO, Paulo Victor Berri.

Fica bem. E vive sua vida da maneira mais bela e incrivelmente natural como só você consegue!

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

Lágrimas Amargas...

Se alguém pudesse sentir, saberia o quão doloroso é...
Se pudesse ver, fecharia os olhos...

É tudo muito profundo.. É uma dor inexplicável.
Simplesmente sinto... E me dói a cada dia.. a cada momento.

Minha vontade é sumir!! Pra nunca mais voltar...
Não necessariamente morrer, mas nunca mais ter que acordar.

Minhas lágrimas amargas que não param de cair
Vão enubreando meus olhos, e não mais me deixam ver.
Meu sofrimento é ainda maior. Eu não fui ouvida!
Como se nada disso importasse.

Será mesmo que importa?
Certamente que não.
Um coração tão duro e inóspito jamais daria o 'braço a torcer'.

Eu juro que tentei tocá-lo..
Mas acho que as lágrimas não foram o bastante.
Quem sabe a morte assim o faça..
Mas eu não teria coragem!!

A minha alma tá clamando socorro!!
Será que alguém pode ouvir?...
Achei que não fosse tão baixo...
Mas é o silêncio que fala por mim.

Adianta calar?
Mas eu falei também sequer adiantou...
Se já não falava muito
Agora sim minha'alma calou.

E meu olhos secaram também.
Já não vale a pena chorar por quem não merece minha dor
E meus punhos fecharam... E meu coração sangrou...

Aceitaria um soco seu
No lugar de tanto rancor.. De tanto 'saber' (que não sabe nada afinal)
Seria menos doído pra mim.. Pro meu peito, que as palavras ditas.
Elas jamais voltarão.

Saem da memória?..
Pode ser que se 'escondam' por certos instantes.
Mas nunca sairão do coração.

quarta-feira, 24 de dezembro de 2008

NataL gentE! o.O'

Então é nataL... E o que a gente fez???... ( o resto cada um imagina)
E recomeça tudo outra vez..
Mais um ano.. Ou menos um..

Um natal... Umas festas.. Bebidas, gente animada, família reunida..
blá blá blá...



Vocês ainda podem lembrar o verdadeiro sentido do nataL?
Não seria esperar um velhO louco de barba branca com um saco vermelho cheio de brinquedos fúteis...
Certamente que não. Possso assegurá-los...

Momento de celebração sim.. De diversão.. Mas de oração.. Agradecimento, já que mais um ano se encerra... Vida nova recomeça.. Novos tempos se impôe!

E o que a gente fez pra contribuir com toda essa comemoração... Com essas novidades sempre tão esperadas?

Não sei.. Acho que nem fiz nada.. E acredito que vc tbm..

Esse é o 'caminho' correto das coisas.. Elas simplesmente acontecem! Não precisamos nos restringir à parâmetros para que as coisas mudem.. Elas nunca mudam pq queremos.. Mudam se tiverem realmente que mudar! Apenas isso...

Vamos torcer e esperar por um novo ano de sucesso, alegrias, paz, amor, saúde, fortunas e muito, mas muito sucesso à todos nós!!

Um super natal e excelente ano de 2009 para o mundo!

;**

sábado, 20 de dezembro de 2008

SintO tantO...

Como posso esquecer?. Eu não quero!!
Eu te quero. Te preciso..
Quando te tive perto de mim deixei que me escapasse entre os dedos..
Meus olhos choram por isso hoje..
Podemos voltar atrás??.. ='(
Por favor me diz que siim!
Eu preciso de ti perto de mim.. Te quero!

Um dia me disseste que não sairia do meu lado.. Disseste??
Bom.. Acho que eu queria que tivesse dito...
Mas tu não disseste...
E sabia que esse dia chegaria?
O dia da distância.. O dia da saudade...
Errei.. Errei em deixá-lo ir, sendo que o podia tê-lo feito ficar ao meu lado..
Sendo que podia te beijado esses lábios mais uma vez..
Pela última vez eu o fiz.. E qeria fazer novamente...
Antes que partisse!! Mas tu foste.. Foste e me deixaste...
Ou fui eu quem te deixou?!
Deixei que fosse...
Mas não quero maais!
Te quero de volta! Posso tê-lo??
Eu necessito...
Uma vez ditas, as palavras não voltam.. E vc?? Poderia voltar pra im se algumas palavras fosem ditas?
Aquelas dolorosas palavras de adeus soaram ao vento e sem meu pensamento..
Não sabia naquele momento que a dor seria tamanha..
Achei que fosse forte.. Que suportaria.. Que me sentiria à vontade sem tu perto de mim..
Me enganei.. Errei feio.. Procurei em outros braços teus abraços... Em outros corpos teu aconchego.. Mas só tu me fez sentir vontade de tê-lo de novo.. e de novo... e pra sempre!
Vais voltar??
Eu te quero aqui! Vem pra mim. Preciso de ti...
Como fui tola ao deixá-lo...
E pq me permitiu fazer isso?! Tolo...
Naquele exato momento preferi minha liberdade.. Minha vontade de ser só..
Passou!! Eu não quero mais.. Quero voltar.. quero te ter!
Volta pra mim?! Fica comigo?? Apenas hoje é o que te peço...
Eu ainda preciso de ti.. Sinto teu cheiro.. Sinto tua falta... Quero o teu corpo!
Foste o sonho que me fez querer dormir infinitamente...
Me fizeste muito feliz, espero que saiba..
Eu ainda te amoO muito!!
E queria voltar.. E que voltasses também..
Pra perto de mim... Pra junto de mim... Pra minha vida..

E PRA SEMPRE...

Tu

Levaste contigo o brilho dos meus olhos
E o calor do teu corpo que tanto preciso.
Deixaste comigo a certeza que voltas
E a porta aberta... E o medo do escuro.

Queria teu corpo junto ao meu corpo
Teus beijos molhados e sedentos dos meus
Teus lábios tão fartos que envolvem minha boca
Uma boca incompleta distante da tua.

E a boca vermelha
Que acabara de render-se a mim
E os olhos pedintes
De mais beijos sem fim

Tu sem mim não mais existe
A angústia ainda persiste
A distância insiste... E tu não vens
Te quero aqui!!!

Porque não vens? Partiste sem mim...
Me deixaste no escuro, com medo do fim
E esse medo sem fim toma conta de mim!

Este foi apenas o primeiro dos muitos dias sem ti
O primeiro dos meus dias tristes
E da vontade de gritar... De correr ao teu encontro

Vê se volta amore mio
Espero por ti...







Afinal, o que estamos esperando? Quanto tempo ainda nos resta até que tomemos, de fato, um rumo? Falta largar tudo pra viver uma vida sem ...