terça-feira, 10 de julho de 2012

menina

Parecia que me faltava o ar,
Mais que das vezes que me tirava em cócegas.
Já não podia não pensar em onde estava, quando voltaria e por quanto tempo estaria ao meu lado.
Eu senti sua falta a cada segundo.
E é engraçado como passamos mais tempo juntas, mesmo que a quilometros de distância.
Podia te ver a cada piscar de olhos.
Podia sentir o seu cheiro a cada vento que vinha em minha direção, e é como se o gosto dos teus lábios ainda habitasse, constantemente, a minha boca.
Meu coração voltou a bater tranquilo quando te vi, segundos depois, claro, pois quando vi, parecia que perderia o chão, os sentidos, o fôlego.
E tudo voltou a ser como antes, como a 3 dias atrás, apenas, mas que fizeram diferença.
São 46 dias e, nossa! Como você faz falta quando não está no meu dia!
Como faz falta o seu abraço, o seu sorriso e esses olhos.
Admito, sinto falta até das cócegas! Hahaha
Menina, minha menina, permaneça em mim.