sexta-feira, 5 de maio de 2017

Sentimento tiquetaqueando em meu peito.
Cabeça voando, fazendo contas.
Fazendo de conta que tudo está bem.
E tem que estar mesmo, nada mais justo comigo.
Chegada a hora do recomeço.
Desapego.
Estão me tirando tudo o que tenho, que nunca foi meu.
Quero acreditar que seja para ter o que me pertence, de fato.
Para sorrir de novo, sem que seja de desespero.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Afinal, o que estamos esperando? Quanto tempo ainda nos resta até que tomemos, de fato, um rumo? Falta largar tudo pra viver uma vida sem ...